Educandário Espírita Sementinha de Luz – Eduseluz

Abrace o Projeto Reencontro

Quem somos!

Projeto Família

O Educandário Espírita Sementinha de Luz é mantido pela Sociedade Espírita de Educação Semente de Luz - Seluz, que é uma associação civil, de caráter filantrópico e beneficente, sem finalidade lucrativa ou econômica, com atividades nas áreas assistencial, educacional e cultural, fundada em 1988. Somos um pequeno grupo de voluntários que temos aprendido com nossos próprios recursos a construir uma ONG que busca implantar na comunidade local um programa de educação, a partir de recursos com convênios, parcerias e projetos patrocinados por outros organismos.

Favorecer o desenvolvimento integral da criança e do adolescente, reconhecendo-o como um ser crítico e participativo, que desenvolva plenamente suas possibilidades de apropriação e produção de significados do mundo, da natureza e da cultura; inserindo-o nas relações éticas e morais que permeiam a sociedade em que vive.

Implantar todos os programas e projetos educacionais para atender crianças e adolescentes de 4 meses a 18 anos.

– Assistir, amparar e educar crianças e adolescentes que estejam em estado de vulnerabilidade, com vínculos familiares fragilizados e/ou prejudicados em seus direitos fundamentais, visando assegurar-lhes educação integral, saúde, fortalecimento da convivência familiar e inserção social.
- Prestar assistência social e moral às famílias das referidas crianças e referidos adolescentes, conscientizando-as de seus deveres e responsabilidades perante a educação dos mesmos.

  • 1987: Estudo e elaboração de projeto educacional da entidade a ser criada.
  • 1988: Fundação da entidade.
  • 1989: Início de atividades educacionais e assistenciais aos finais de semanas com voluntários, atendendo as famílias que residiam em invasões e estavam sendo assentadas na cidade de Samambaia – DF.
  • 1990: Início de atividades educacionais e assistenciais na atual sede em Samambaia – DF.
  • 1991 a 1995: Desenvolvimento de programas educacionais e assistenciais com voluntários (reforço escolar, cursos de capacitação profissional, horta, alfabetização de adultos, geração de renda com costura, atividades manuais, doação de cestas básicas). - Construção do primeiro bloco de atividades.
  • 1996: Início das atividades da creche com seis crianças.
  • 1997 a 2002: Obtenção de registros sociais. - Ampliação das atividades da creche para 24 crianças mantida por meio de recursos advindos de promoções e colaborações fraternas. - Início de atividades de convivência social integrada à escola.
  • 2003: Convênio com a Secretaria de Estado de Assistência Social para atendimento de 50 crianças em idade de dois a cinco anos em turno integral.
  • 2004 a 2005: Separação estatutária da associação civil da entidade religiosa (Centro Espírita Semente de Luz – Cesel [Link para página do Cesel – esta página ainda vais ser construída]). - Estruturação administrativa da Seluz, passando a administração dos programas educacionais por meio de profissionais contratados (pedagogo e assistente social)..
  • 2006 a 2008: Aprovação de projetos assistenciais para retomada do programa de convivência social integrado à escola com atendimento a 40 crianças de seis a nove anos.
  • 2009: Assinatura do termo de convênio Tripartite (Secretaria de Educação-SEDF, SEDEST e Seluz). - Ampliação da meta com atendimento a 110 crianças (65 crianças mantidas pelo convênio com a SEDF e a SEDEST e 45 crianças mantidas só pelo convênio com a SEDEST – convivência social integrado à escola).
  • 2010: Convênio para atendimento a 90 crianças com a SEDF (Educação Infantil) e com a SEDEST (convivência social).
  • 2011: Convênio para atendimento a 100 crianças com a SEDF (Educação Infantil Integral). - Inauguração do bloco de refeitório construído em parceria com o Correio Solidário.
  • 2012: Convênio para atendimento a 104 crianças com a SEDF (Educação Infantil Integral). - Atendimento a 34 crianças de convivência social por meio de outros parceiros.
  • 2013: Inauguração de quatro novas salas e ampliação de atendimento para 127 crianças.
  • 2014: Reforma do bloco antigo, inauguração do refeitório para atividades de convivência e construção do playground para as crianças.
  • 2015: Construção de quadra infantil e área de estacionamento.
  • 2016: Ampliação de meta da educação infantil para 162 crianças.

Garantir às crianças e adolescentes em estado de vulnerabilidade o pleno desenvolvimento de suas potencialidades, assegurando o vínculo familiar, com direito à educação de qualidade, a viver com dignidade, respeito e liberdade, com saúde, alimentação, acesso ao esporte, ao lazer e à cultura e à progressão dos estudos.

  • Utilidade Pública Federal: Decreto, de 23 de abril de 1999, publicado no DOU de 26.04.99, Processo MJ 18.386/93-36.
  • Utilidade Pública do Distrito Federal: Renovação Decreto no. 20.397, de 23 de abril de 1999.
  • Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social: CEBAS/MEC – Res. Nº 140, de 16 de agosto de 2007 – Renovação Protocolo 71000.070579/2010-04.
  • Atestado de Registro Conselho Nacional de Assistência Social: MPAS – Resolução Nº 069, de 27 de maio de 1998.
  • Certificado Registro Secretaria de Educação DF: Reg. Nº 484, de 28 de setembro de 1998.
  • Certificado Registro Conselho de Assistência Social DF: Reg. Nº 056/2012.
  • Credenciamento pelo Conselho de Educação do Distrito Federal – CE/DF: Portaria nº 193, publicada no DODF nº 153, de 26/07/2013.
  • Educar pelos valores humanos de solidariedade e fraternidade com base nos ensinamentos cristãos e na Doutrina Espírita codificada por Allan Kardec, respeitando a liberdade de crença religiosa das crianças e adolescentes atendidos.
  • Propiciar o desenvolvimento integral da criança e do adolescente, de modo a fazer com que eles percebam-se como ser integral, crítico, consciente, participativo, herdeiro de si mesmo, cidadãos do Universo, na dimensão espiritual e cósmica, agente de seu meio, rumo a toda perfeição de que é suscetível.
  • Promover a educação sem eximir a família de sua responsabilidade e o Estado de fornecer a Educação Básica.
  • Atendimento a criança e ao adolescente priorizando a qualidade educacional